segunda-feira, 23 de março de 2009

desigual

Retiro o que disse
Tudo o que disse sobre amor
Um passo em falso
Já nada é igual
Um passo em falso
E começa o ardor

Toda a raiva
Toda a luta
Em vão
Agora choro de desilusão

Uma caminho duro
Esburacado
Tentei-o percorrer
E para minha surpresa
Saí a perder..

Choro...
Mas vencerei
Estou sozinho
Mas em mim eu sei
Que confio

Vou seguir, lutar
Perder, ganhar
Arrancar cada espinho
Em mim cravado
Agora sozinho
Mas nunca derrotado

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

Um dia de cada vez

Envolve-me uma magia
Um ritual
Um olhar teu
E ja nada é igual..
Tanta coisa que baila
em minha mente
Tanto pensamento flutuante
Tanto para dizer
E mostrar o que se sente